AGRICULTOR É PICADO POR COBRA E MORRE POR FALTA DE ANTÍDOTO EM HOSPITAL

Ademir Dias da Silva passou por três hospitais e precisou percorrer 570 quilômetros para receber o antídoto, que não foi aplicado a tempo de salvá-lo

Agricultor morre após ser picado por uma cobra enquanto colhia castanhas, no municipio de Cláudia. O homem chegou a se dirigir a um hospital, mas, depois de ser encaminhado para três unidades diferentes, em cidades diferentes, devido a falta de soro, não resistiu ao veneno do animal e morreu. 

Ciente do procedimento em caso de picada, Ademir Dias da Silva, de 50 anos, foi dirigindo até o hospital da região depois de perceber o ocorrido. No local, foi administrado soro, porém sem o o antídoto, algo que a família só ficou sabendo depois que o neto exigiu rapidez no atendimento do avô, momento em que o encaminharam para o município de Sinop, a 90 quilômetros de distância. De acordo com os funcionários da unidade de saúde, em Sinop teria o soro antiveneno, porém, ao chegarem no local, o tratamento realizado não surtiu efeito.

Foi necessário encaminhar o agricultor para um hospital na cidade de Cuiába, a 570 quilômetros de Cláudia. De acordo com a mãe da vítima, a ambulância que saiu às 17h da tarde de Sinop, só chegou a meia noite na capital do estado. Ademir Dias da Silva não resistiu e acabou falecendo antes de receber o antídoto.

Para os familiares, a cobra que picou o agricultor pode ter sido uma surucucu ou pico-de-jaca, considerada uma das mais venenosas da América Latina. 

Segundo a Secretaria de Saúde de Sinop, há quatro anos o estoque de soro antiofídico está baixo e havia apenas cinco ampolas desta espécie na unidade de saúde, sendo necessária a transferência do paciente para Cuiabá, mas ele não resistiu. 

0 Reviews

Write a Review

Cidade em Foco

Leitura Anterior

Irmãs são mortas a facadas em São Sebastião da Amoreira

Ler Próximo

Amunorpi se mobiliza contra “extinção das cidades” do Norte Pioneiro

Deixe uma Resposta

1
Olá,
Como podemos ajudar?
Powered by
Share via
Copy link
Powered by Social Snap